Carnaval 2011

A FELICIDADE SE CONTA EM CONTOS

Compositores: Emerson Brasa, Toninho Penteado, Denis Patolino e Claudinho

Há muitos e muitos anos
Num lugar longe daqui
Existia um mundo mágico
Que contarei seguir
A Floresta Proibida
Que a Bruxa má habitava
Era a passagem secreta
Para a Floresta Encantada
Pelos Espelhos dos Invisíveis
Ela fazia coisas terríveis
E quem por ele ousava passar
Um Mundo Encantado iria encontrar
A Bruxa que boba não era
Se escondia a todo momento
Mandando animais guardiões
Destruir qualquer pensamento
Queria ser a grande Vilã
No País do faz de contas
Assustando a Chapeuzinho
Com o Lobo Mal que afronta
Veja só os Sete Corvos
Pela Floresta a voar
As Três Folhas da Serpente
O encanto quebrará
Os Músicos de Bremem
Felizes a tocar
Passam logo pelo Espelho
A beleza se faz lá
Um Reino Maravilhoso
O Gênio da Garrafa irá  Mostrar
Tudo era gigantesco
Para o Pequeno Polegar
Flores que Falam e Dançam
Para a Bela Adormecida Acordar
Cinderela e Branca de Neve
Com os Anões a festejar
João e Maria quem diga
A Casa de Doce está lá
Guardada pelo Homem de Ferro
Para ninguém saborear
E na jornada do imaginário
Abro portas a outro lugar
Duendes, Fadas e Rainhas
Na passarela a desfilar
Buscando a Felicidade
Com um topo magistral
No Lago dos Inocentes
Surge o Castelo de Cristal
Veja, assim se fez presente
Este conto minha gente
Que idéia genial
Sou Dragões da Real
Transformar a Felicidade
Em um Grande Carnaval

« 1 de 2 »